Policial

Delegado da Polícia Civil de Cajazeiras lamenta fato que resultou na morte de um homem e deixou três homens feridos em cidade da região de Cajazeiras e explica como fato aconteceu

ÓTICAS GUIMARÃES

Na noite deste último sábado (27) , em um bar na cidade de Bernardino Batista, região de Cajazeiras, alto sertão da Paraíba, ocorreu uma discussão entre torcedores do Flamengo e do Palmeiras durante a final da Libertadores da América 2021, que resultou em uma morte e três feridos.

Segundo informações da polícia, os torcedores acompanhavam o final da competição no bar quando um flamenguista sacou uma arma de fogo e disparou contra os torcedores do Palmeiras, levando um deles a óbito, identificado pela PM como Emanuel Alexandre da Silva, 47 anos, as demais vítimas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e conduzidas ao Hospital Regional de Cajazeiras.

Em Cajazeiras, o delegado Ilamilto Simplício, da 20ª Delegacia Seccional de Polícia Civil comentou a respeito do assassinato. A autoridade policial lamentou o ocorrido, explicando a situação do policial penal suspeito de ter disparado contra quatro pessoas deixando três feridas e uma morta.

O delegado afirma: “Um fato realmente muito lamentável. O policial penal foi preso em flagrante delito, conduzido ao plantão policial aqui de Cajazeiras onde foi autuado em flagrante por homicídio doloso e por mais três tentativas de homicídio. Ele foi encaminhado ao Presídio Padrão de Cajazeiras onde aguardará a decisão da justiça”.

Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo