Policial

Defesa de Damião Felismino vai recorrer da condenação do Tribunal do Júri em Patos

O crime de feminicídio ocorreu no ano de 2019, na cidade de São José do Bonfim, onde Damião Felismino assassinou Dayane Mikelli Félix da Silva, que foi morta dentro de casa por Damião

ÓTICAS GUIMARÃES

A defesa de Damião Felismino, condenado nesta terça-feira (17), a 19 anos de prisão pelo crime de feminicídio contra Dayane Mikelli da Silva, 25 anos, confirmou ao Patosonline.com que irá recorrer da decisão.

Segundo o advogado Corsino Neto, um dos responsáveis pela defesa de Damião, existiam a acusação pelo crime de feminicídio, o tribunal condenou Damião por 4 votos a 2, enquanto no crime de homicídio simples ele também foi condenado por 4 votos a 3, e sentenciado pela juíza Isabela Joseane, há 19 anos de prisão.

Damião já se encontrava preso de forma preventiva na comarca de Teixeira e continua preso após receber a condenação.

O julgamento teve início por volta das 8h30min e durou quase 11h de julgamento, sendo concluído por volta das 19h20 minutos. A defesa de Damião já apresentou recurso de apelação.  

O crime de feminicídio ocorreu no ano de 2019, na cidade de São José do Bonfim, onde Damião Felismino assassinou Dayane Mikelli Félix da Silva, que foi morta dentro de casa por Damião.

Patosonline.com 


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo