COPA DO BRASIL tem mais três azarões na segunda fase e jogo do Sport não acaba

Foto: Vitor Silva/Botafogo FC



Copa do Brasil teve mais três azarões ou ‘zebras’ nesta noite com as classificações à segunda fase de Cianorte-PR e Rio Branco-ES que, em casa, eliminaram, respectivamente, Paraná e Sampaio Corrêa-MA, clubes que integram a Série B do Campeonato Brasileiro. À tarde, o 4 de Julho derrubou o Confiança, que também integra a Série B.

No fim da noite, o Botafogo goleou o Moto Clube-MA, por 5 a 0, em São Luis (MA). A falta de energia elétrica aos 52 minutos do segundo tempo, ainda deu uma sobrevida ao Sport que perdia para o Juazeirense, por 3 a 2. O caso agora vai para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) da CBF.

Nesta primeira fase o clube mandante leva a vantagem do empate, por ter uma posição melhor dentro do ranking nacional. O time da casa precisa vencer para seguir adiante. A segunda fase também será disputada em partida única, mas em caso de empate, a vaga sai nos pênaltis.

Estes dois classificados, em 2020, nem disputaram a Série D, a última divisão do país. Mas vão integrar a competição em 2021.

ZEBRA DA BAHIA
A eliminação do Sport, que era franco favorito diante do Juazeirense, em jogo disputado no interior da Bahia só não foi consumada porque o jogo parou aos 52 minutos do segundo tempo por falta de luz.

O árbitro Ramon Abatti Abel (SC) tinha dado 11 minutos de acréscimos, depois esperou o retorno da iluminação, porém, isso não ocorreu por causa de uma falha no gerador do estádio Adauto Moraes, na cidade de Juazeiro, no interior baiano.

O vencedor deste duelo vai pegar o vencedor de Castanhal-PA e Volta Redonda-RJ que vão se enfrentar dia 17 no estádio Modelão, no interior do Pará.

RIO BRANCO ELIMINA SAMPAIO
O Rio Branco-ES que em Cariacica (ES) venceu o Sampaio Corrêa, por 2 a 1, de virada. Na segunda fase, o Rio Branco-ES vai enfrentar o Vitória-BA, que na terça-feira abriu a disputa ao vencer o Águia Negra-MS, por 1 a 0.

CIANORTE MATA PARANÁ
No duelo paranaense, o Cianorte levou a melhor em cima do Paraná, com um gol de Sávio aos 39 minutos do primeiro tempo, quando a vaga parecia nas mãos do time de Curitiba. Mas não deu para segurar o zero a zero.

O Cianorte-PR aguarda pelo vencedor do confronto entre Ypiranga-AP e Santa Cruz, que se enfrentam na próxima quarta-feira, para conhecer seu próximo adversário.

MACACA VIRA NO GAMA
Ponte Preta e Paysandu confirmaram seus favoritismos, venceram fora de casa, respectivamente, Gama e Madureira, e avançaram à segunda fase. A surpresa desta tarde na sequência da primeira rodada foi a vitória por 1 a 0 do 4 de Julho-PI sobre o Confiança-SE.

Em Luziânia, o Gama saiu na frente com Daniel Alagoano, mas a Ponte Preta virou no segundo tempo com gols de Apodi, de cabeça, e Thalles. Agora, o time paulista aguarda quem passar de Marília-SP e Criciúma-SC, que se enfrentam na próxima semana. Com a classificação para a segunda fase, a Ponte garantiu uma premiação de R$ 675 mil.

PAPÃO LEVA VAGA

No estádio Conselheiro Galvão, no Rio de Janeiro o Paysandu venceu o Madureira, por 1 a 0, com gol Denilson, de cabeça. De quebra, o Papão embolsou uma premiação de R$ 675 mil e continuou invicto na temporada 2021.

Na próxima fase, o time paraense enfrentará o vencedor de Goianésia e CRB, em jogo que será realizado na próxima quarta-feira, às 16h, no estádio Valdeir Oliveira.

ZEBRA EM PIRIPIRI
A zebra passeou em Piripiri, no interior do Piauí. O 4 de Julho surpreendeu o Confiança na Arena Ytacoatiara, e avançou com a vitória por 1 a 0 com gol de Caio César, de cabeça, já aos 46 minutos do segundo tempo. Os dois times enfrentaram um campo alagado e os visitantes ainda jogaram com um a menos desde os 33 minutos do segundo tempo.

Agora, o clube piauiense poderá enfrentar outro rival sergipano. Afinal, o 4 de Julho espera por Sergipe ou Cuiabá.



Por Agência Futebol Interior