COPA DO BRASIL: Ceará, Ponte Preta, Brusque e Goiás largam na frente na 3.ª fase

Foto: Divulgação



De olho na premiação de R$ 2 milhões para chegar à próxima fase, Ceará, Ponte Preta e Brusque venceram seus jogos nesta quinta-feira à noite pelos jogos de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Os três ficam na frente de seus adversários, respectivamente, Vitória, Afogados-PE e Brasil-RS para os jogos de volta na próxima semana.

MACACA LAVA A LAMA

No estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, a Ponte Preta venceu por 3 a 0 o Afogados, o time que eliminou o Atlético-MG na fase anterior. Não vencia há cinco jogos. Os gols foram marcados por Héverton Luis (contra), Roger e Bruno Reis. O placar poderia ser maior porque Roger perdeu um pênalti.

Mesmo assim, o time paulista vai levar uma boa vantagem no jogo de volta, na próxima quinta-feira em Ingazeira (PE). A Ponte Preta poderá perder por até dois gols de diferença para chegar à quarta fase. Se levar três gols, a vaga será definida nos pênaltis. No tempo normal, o time pernambucano terá que vencer por quatro gols de diferença.

VOVÔ SEGUE INVICTO
O Ceará manteve-se como único time do Brasileirão invicto na temporada ao vencer por 1 a 0 o Vitória na Arena Castelão. O gol da vitória foi marcado por Rafael Sóbis aos 43 minutos do primeiro tempo.

Na volta o time cearense vai jogar pelo empate. Se perder por um gol de diferença, a vaga vai ser definida nos pênaltis. O Vitória precisa ganhar por dois gols ou mais para avançar de fase. O jogo decisivo vai ser realizado na quarta-feira às 19h15.

BRUSQUE MANDA BEM
O Brusque foi até Pelotas e, no estádio Bento Freitas, venceu por 1 a 0 o Brasil, confirmando a sua grande fase e a liderança do Campeonato Catarinense. O gol da vitória foi marcado por Thiago Alagoano, aos 43 minutos do primeiro tempo.

O time catarinense ainda vai ter a vantagem de fazer a volta em casa, onde é praticamente imbatível. Mesmo assim, vai poder empatar.

Se perder por 1 a 0, a vaga será definida nos pênaltis. Ao time gaúcho, a missão é mais complicada para garantir a classificação no tempo normal: vencer por dois gols ou mais de diferença.

VASCO PERDE EM CASA
Em São Januário, no Rio de Janeiro, o Vasco seguiu seu calvário de não jogar bem ao perder para o Goiás por 1 a 0. Agora na volta precisa vencer por 1 a 0 para levar a decisão da vaga para os pênaltis ao ganhar por dois gols ou mais e avançar de fase. A volta vai acontecer na quarta-feira, às 21h30, em Goiânia.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com