Condutores de ambulância denunciam macas retidas no Hospital Regional de Patos



A pouca oferta de macas no Hospital Regional de Patos vem causando problemas para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Nesta segunda-feira, dia 16, os condutores de ambulância relataram que ficaram com viaturas retidas diante do problema persistente.

Várias macas do Hospital Regional de Patos estão quebradas e sendo usadas diante da carência de novos equipamentos para receber pacientes. Mesmo com problemas, as macas velhas estão sendo usadas, porém, outras foram para o depósito por não terem condições mínimas de uso.

A situação é tão vexatória e de transtornos para os pacientes que as poucas macas são amarradas com ataduras para não causar ainda mais desconforto. O problema já dura vários meses sem uma solução de compra de novas macas por parte da Secretaria de Estado da Saúde da Paraíba (SES/PB). De acordo com informações, a compra de macas deve ser feita diretamente pelo órgão de estado.

O condutor de ambulância Givanildo Dantas, do SAMU/Patos, chegou a relatar o fato em sua rede social Facebook: “Todas as USB’s retidas no Hospital Regional de Patos por falta de MACA. Uma vergonha pra o Governo do Estado, a população que paga por isso. (3 USB de Patos e 1 de Piancó) ”, afirmou.

A reportagem tentou contato com o diretor do Complexo Hospitalar Regional, mas não obteve resposta até o fechamento desta edição.

Jozivan Antero – Patosonline.com