Gerais

Condomínio Cidade Madura em alerta após dois idosos residentes estarem acometidos pelo COVID – 19, em Patos

ÓTICAS GUIMARÃES

O Condomínio Cidade Madura, localizado no Bairro Mutirão, em Patos, foi construído durante a administração do ex-governador Ricardo Coutinho. Pensado para atender idosos autossuficientes e autônomos, o Cidade Madura ganhou destaque nacional e foi bastante disputado por famílias que desejavam morar com qualidade de vida.

No Condomínio Cidade Madura residem 52 idosos e existe toda uma infraestrutura para garantir qualidade de vida, interação, atividades de socialização e educativas, porém, neste período de pandemia do novo coronavírus, COVID – 19, acontecem mudanças para se precaver diante da doença que tem sido devastadora, principalmente entre idosos.

Mesmo diante dos cuidados, dois idosos estão entre as vítimas do COVID – 19. Nesta terça-feira, dia 26, um idoso precisou ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e se juntou ao outro que já estava no Hospital Regional de Patos.

A reportagem do Patosonline.com recebeu denúncias de problemas na gestão do Condomínio Cidade Madura e buscou falar diretamente com a coordenadora do local. Cíntia Brito, que coordena o espaço, disse a denúncia não procede. A coordenadora relatou que desde do início da pandemia do COVID – 19, todas as medidas cabíveis vêm sendo tomadas, mas, infelizmente, os casos aconteceram, pois, os idosos são autônomos e estão sujeitos a doença.

Cíntia Brito relatou que o Governo do Estado da Paraíba redobrou a atenção nos condomínios Cidade Madura e deu todas as condições para melhorar os serviços neste momento difícil. Houve aumento do fornecimento de material de limpeza, reforçou o Núcleo de Saúde, disponibilizou um veículo, mudou regras de entrada e saída, mas não se pode impedir saída de idosos e se pede deles consciência e ações neste momento.

OUÇA entrevista com Cíntia Brito:

Jozivan Antero – Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios