Complexo Coremas/Mãe D’água ultrapassa 25% de sua capacidade hídrica



A região do Vale do Piancó é uma das regiões que mais têm recebido chuvas no ano de 2020. Nesta segunda, dia 24, na cidade de Nova Olinda, choveu mais de 155mm, e estas chuvas têm beneficiado, sobretudo, o principal manancial que abastece o estado da Paraíba, o complexo Coremas/Mãe D’água.

O açude de Coremas, por exemplo, que é o maior do estado, tem capacidade hídrica de mais de 744 milhões de metros cúbicos de água, e agora está com mais de 173 milhões, o que corresponde a 23.37% de sua capacidade total, recebeu mais de 100 milhões de metros cúbicos só este ano.

Já o manancial de Mãe D’água tem capacidade hídrica de 545 milhões de metros cúbicos, está agora com mais de 165.589 milhões de metros cúbicos de água, o que corresponde a 30.31% de sua capacidade total. Os dados são da AESA, verificados nesta segunda (23).

Ou seja, o Complexo Coremas/Mãe D’água juntos tem reservado aproximadamente 340 milhões de metros cúbicos de água. Os mananciais são chamados de Complexo porque em um determinado ponto eles se encontram, formando um único reservatório, e quando estão totalmente cheios, se tornam uma das maiores represas do Nordeste, chegando a mais de um bilhão de metros cúbicos de água.

Blog do Jordan Bezerra




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.