Com COVID – 19 e bebê recém-nascido, técnica de enfermagem está internada em estado grave de saúde



A técnica de enfermagem Clévia Lucélia de Sousa, 31 anos, que trabalha na Secretaria de Saúde de Olho D’água e na Maternidade Dr. Peregrino Filho, em Patos, está internada em estado de saúde considerado grave após complicações em decorrência da COVID – 19.

Clévia Lucélia foi afastada do setor que trabalhava na Maternidade Dr. Peregrino Filho deste março e logo depois, no mês de abril, diante da gravidez, ficou em outro setor. Em maio, ela se licenciou da maternidade e no mês de junho foi diagnosticada com o novo coronavírus, COVID – 19. Através de exame de tomografia, se verificou que Clévia estava com 50% do pulmão comprometido pela doença.

A técnica de enfermagem, por estar com COVID – 19, foi encaminhada para a Maternidade Frei Damião, em João Pessoa, que é referência para a doença em gestantes. Clévia estava receosa em ir, porém, foi por recomendações médicas. A técnica teve bebê e estava bem, porém, houve agravamento no estado de saúde e sofreu parada cardíaca. A jovem está entubada e o estado considerado grave.   

Dr. Umberto Júnior, diretor da Maternidade Dr. Peregrino Filho, relatou que Clévia Lucélia recebeu todos os cuidados que são recomendados pela Secretaria de Estado da Saúde e pela própria Maternidade. “O quadro dela evoluiu para piora. Ela está na Maternidade de referência no Estado. Estamos desejando força para ela! O bebê está bem e espero que tudo corra bem. Estamos em orações”, disse Dr. Umberto Júnior.

A Secretaria de Saúde do Município de Olho D’água lançou uma nota no facebook do órgão comunicando sobre o agravamento do estado de saúde da servidora. Familiares, amigos e colegas de trabalho estão em orações pela recuperação de Clévia Lucélia.



Jozivan Antero – Patosonline.com






Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.