• Dra Milena
Regional

Cidades da região de Patos voltam a registrar baixas temperaturas e Maturéia marca 11ºC na madrugada deste sábado (13). Confira

ÓTICAS GUIMARÃES

O inverno tem sido atípico no Sertão paraibano ao longo deste ano de 2022, com chuvas fortes em pleno mês de agosto. Além disso, as temperaturas tem caído constantemente ao longo dos últimos meses, marcando uma mudança climática pouco vista por aqui.

O sertanejo, comumente acostumado com as altas temperaturas girando em torno dos 40ºC, agora convive com baixas temperaturas, inferiores, inclusive, aos 20ºC. É o que foi registrado mais uma vez, na madrugada deste sábado, dia 13 de agosto, na cidade de Maturéia, região metropolitana de Patos, como também em vários municípios circunvizinhos.

O município, onde está localizado o Pico do Jabre, local mais alto da Paraíba, registrou incríveis 11ºC, entre às 04h e 06h. Na madrugada da sexta-feira (12), a cidade já havia marcado também 12ºC nos termômetros.

Segundo uma pesquisa do Sistema de Classificação Global de Tipos Climáticos, a cidade de Maturéia foi considerada a terceira mais fria da Paraíba, atrás somente de Solânea e Areial.

Além dela, várias cidades da região de Patos marcaram menos de 20ºC durante a madrugada, de acordo com o serviço de meteorologia Climatempo. Veja abaixo algumas das cidades da Região Metropolitana de Patos:

  • Maturéia – 11ºC;
  • Teixeira – 13ºC;
  • Cacimbas – 13ºC;
  • Desterro – 14ºC;
  • Mãe d’Água – 15ºC;
  • Salgadinho – 15ºC;
  • Areia de Baraúnas – 16ºC;
  • Santa Teresinha – 16ºC;
  • Junco do Seridó – 16ºC;
  • Passagem – 16ºC;
  • São Mamede – 16ºC;
  • Condado – 17ºC;
  • São José do Bonfim – 17ºC;
  • Cacimba de Areia – 17ºC;
  • Quixaba – 17ºC;
  • Emas – 17ºC;
  • Patos – 17ºC;
  • Santa Luzia – 17ºC;
  • Vista Serrana – 17ºC;
  • São José do Sabugi – 18ºC;
  • Catingueira – 18ºC;
  • Malta – 19ºC;
  • São José de Espinharas – 19º;
  • Várzea – 19ºC;

Apesar disso, ao longo do dias as temperaturas tendem a subir e a umidade do ar cai de maneira considerada. Na última quinta-feira (11), por exemplo, o Inmet emitiu um alerta de baixa umidade para 98 municípios do Sertão paraibano, com variação entre 30% e 20%, o que representa risco de incêndios florestais e à saúde humana.

Matéria por Patosonline.com

Com informações do Portal Climatempo


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo