Locais

Cidadão reclama que não está conseguindo renovar sua CNH em Patos. Chefe da 4ª Ciretran se pronuncia. Veja

ÓTICAS GUIMARÃES

Um homem que não quis se identificar procurou a redação do Patosonline.com para denunciar que está tentando renovar a habilitação de sua esposa desde o ano passado, mas um grave problema no sistema do Detran e a falta de atendimento à população vem causando transtornos ao casal.

Segundo ele, já realizou todos os pagamentos da renovação, mas o processo pede um novo exame de vista. Mas como o agendamento está sendo feito apenas por via virtual, ele até então não conseguiu, pois um erro no sistema não finaliza o atendimento.

“Faz alguns meses, na verdade desde o ano passado, que eu e minha esposa tentamos dar prosseguimento à renovação da habilitação dela. Nós pagamos os boletos em dia, as guias em dias, mas não conseguimos agendar um exame de vista, pois dá um erro técnico no sistema do Detran. Se você consegue agendar, ele apresenta uma página de erro durante a emissão do comprovante, ou seja, você não sabe a data correta, horário e o local do agendamento do exame de vista. Se você tentar agendar novamente ele vai dizer que você já tem um agendamento, porém você não consegue emitir um comprovante com os dados por erro no sistema do Detran. Ou seja, o cidadão fica dirigindo com a habilitação vencida porque o órgão dentro da cidade de Patos não funciona. Você liga, ninguém atende, tenta fazer uma reclamação formal na ouvidoria ninguém atende”, reclamou o cidadão.

Já outro órgão que o mesmo relatou problemas é a Casa da Cidadania, “tentei agendar junto ao órgão para emissão do RG meus dos filhos, que são menores, e se quer recebo uma reposta, do mesmo modo, tentei contato, tentei abrir uma reclamação junto a ouvidoria do órgão, e mais uma vez, ninguém consegue contato algum”, disse o cidadão.

A fim de tentar uma solução, não só para o caso dele, mas para toda população de Patos, que “sofre” diariamente com estas situações, ele disse ainda que procurou o Ministério Público da Paraíba para tentar resolver a situação, mas que foi orientado a fazer uma denúncia formal diretamente no site do MPPB. O denunciante pediu ainda que a população que se sentir prejudicada, pelo NÃO atendimento destes órgãos ou qualquer outro da esfera estadual, também busquem denunciar através do site do MPPB, formalizando a reclamação, pois só assim o problema será de fato resolvido. Basta acessar site do MPPB (www.mppb.mp.br), procurar a opção “Protocolo Eletrônico”, preencher os dados necessários, escolhendo a localidade Patos, anexar comprovantes ou áudio se existir, e “Protocolar”, este procedimento irá provocar de maneira direta o Ministério Público da Paraíba, promotoria de Patos, para uma solução para estes recorrentes problemas que insistentemente presenciamos relatos de toda população, seja através das rádios, portais, redes sociais e outros, mas é preciso formalizar a denúncia.

A redação do Patosonline.com procurou a chefe interina do Ciretran de Patos, Danúzia Ramos, para falar sobre a reclamação e esclarecer acerca do atendimento do órgão à população.

“Em relação ao casal, primeiro tem que se entender se ele está cumprindo o passo a passo correto, e a pessoal acha que só emitindo a via pelo site e pagando já pode agendar o exame de vista, mas não pode. É preciso emitir a via, pagar e depois emitir o Renach no próprio site, que é um formulário eletrônico, e depois ele vai chegar no e-mail para que ele possa imprimir. Uma vez emitido, aí sim o usuário vai agendar para se submeter à biometria no Detran, e lá no órgão mesmo ele pode marcar o exame de vista no setor de Habilitação ou, se preferir, pode agendar o exame pelo site. Quando ele fizer a foto, que é a biometria, ele já pode se dirigir ao setor, e vai ser agendado, ou então agendar pelo site. Sobre o sistema estar com problema, qualquer órgão registra esse tipo de ocasião. Acontece com o Detran, com o Banco do Brasil, com o INSS, com a Receita Federal, não é?”, argumentou Danúnzia.

Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios