• Dra Milena
Gerais

Cicinho Lima participa de festa em Brasília em homenagem ao Forró e ao aniversário de Luiz Gonzaga

ÓTICAS GUIMARÃES

O cantor patoense Cicinho Lima esteve em Brasília, nesta segunda-feira, dia 13, ao lado do presidente Jair Bolsonaro e de artistas como Alcimar Monteiro, Amazan e outros grandes nomes da música nordestina, para comemorar o título de Patrimônio Cultural do Brasil concedido ao Forró na última semana.

Para Cicinho, esta oportunidade é muito valiosa, pois é uma forma de reconhecer o trabalho duro e o grande talentos de artistas que muito fizeram para que esse reconhecimento fosse conquistado. Cicinho falou do privilégio de levar o legado de seu pai adiante e da oportunidade de representar o Nordeste em nível nacional.

“Eu estou em Brasília, e ontem foi uma festa maravilhosa com o nosso presidente Jair Messias Bolsonaro, e com o ministro Gilson Machado, uma festa grandiosa. Fazia muito tempo que a nossa cultura almejava esse título para o nosso Forró. Hoje, ele é considerado patrimônio cultural do Brasil. E ontem foi o aniversário do Rei do Baião, Luiz Gonzaga, um grande amigo do meu pai, Pinto do Acordeom, caminharam juntos nessas estradas por vários anos, e hoje estão lá em cima, tocando forró, cantando e alegrando. Foi uma festa linda, maravilhosa, onde o presidente estava muito alegre com os nordestinos, ao lado de grandes artistas como Alcimar Monteiro, Amazan, Loirão, Cláudio Rios e vários outros”, detalhou o artista.

Para Cicinho Lima, esta oportunidade representa o trabalho duro realizado pelo seu pai, Pinto do Acordeom, que correu as estradas do sertão e por todo o Brasil levando o Forró a todos. Ele falou da alegria e da emoção que sentiu por poder representar o Nordeste.

“Eu só tenho a agradecer a Deus por essas oportunidades. É motivo de muita alegria, eu nasci dentro do forró, vendo Elba Ramalho, Luiz Gonzaga, Fagner, Dominguinhos, então foi muito emocionante, porque o meu pai semeou muito, plantou, e agora estamos colhendo, seguindo o caminho do meu pai”, expressou emocionado.

Ouça o comentário de Cicinho Lima abaixo:

Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo