CCJ da Assembleia Legislativa dá parecer contrário a projeto de lei que torna igreja atividade essencial na PB



A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) deu parecer contrário ao projeto de lei do deputado Jutay Meneses (Republicanos), que torna as igrejas e templos religiosos em atividade essencial durante a pandemia. Com a decisão, o projeto foi engavetado.

Diferente da ALPB, a Câmara Municipal de João Pessoa aprovou, ontem, projeto tornando as igrejas serviços essenciais na capital. A decisão da CMJP foi enviada ao prefeito Cícero Lucena (Progressistas) para sancionar ou não a lei.  Caso seja sancionada, as igrejas poderão realizar cultos presencias.

Com informações do Paraiba.com