Casos confirmados de Covid-19 no mundo passam de 4 milhões, diz universidade

São Paulo SP 28 02 2020 -O Brasil tem 132 suspeitos e paciente em São Paulo confirmado, afirma o Ministério da Saúde. O virus ja se alastra em todos os continentes.foto OMS



O número de pessoas no mundo que tiveram o contágio pelo novo coronavírus confirmado passou de 4 milhões neste sábado (9), segundo a universidade americana Johns Hopkins.

De acordo com os dados compilados pela instituição, a Covid-19 já deixou pouco mais de 277 mil mortos em todo o planeta. Por outro lado, mais de 1,3 milhão de pessoas se recuperaram da doença.

Os primeiros casos do novo coronavírus foram identificados entre o fim de 2019 e o começo de 2020. O primeiro milhão de casos foi registrado em 2 de abril; o segundo, no dia 15 de abril; e o terceiro, no dia 27.

Com isso, de acordo com os números da Johns Hopkins, metade dos casos de Covid-19 no mundo foram registrados em menos de um mês. 

Os números compilados pela Johns Hopkins são atualizados várias vezes no mesmo dia. Segundo a universidade, os dados vêm de fontes como a OMS (Organização Mundial da Saúde) e autoridades de saúde de diferentes países.

Países

Segundo a universidade, o país mais afetado pela pandemia, em números absolutos, são os EUA, com 1,3 milhão de pessoas com diagnóstico confirmado de Covid-19. Depois vêm Espanha, Itália e Reino Unido, todos com mais de 200 mil casos. 

Rússia, França, Alemanha, Brasil, Turquia e Irã são os países que já registraram mais de 100 mil casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus. A China, onde o vírus foi detectado pela primeira vez, contabilizou pouco mais de 80 mil casos. 

CNN Brasil




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.