Candidaturas laranjas: Veja como será a distribuição de vagas na Câmara Municipal de Patos se apenas o Solidariedade tiver os votos anulados



Uma Ação de Investigação de Mandato Eletivo, (AIME), do Ministério Público Eleitoral, poderá alterar a distribuição de vagas na Câmara Municipal de Patos.

Um dos partidos investigados é o Solidariedade, que pode ter os seus 6.999 votos anulados pela justiça eleitoral, e obrigar um recálculo do quociente eleitoral para o preenchimento das 17 vagas no poder legislativo municipal.

A representação foi encaminhada a juíza eleitoral da 65ª zona, Ana Maria do Socorro Hilário Lacerda, com supostas irregularidades em algumas candidaturas a vereador em Patos, o que no caso do Solidariedade, pode resultar na perda de mandatos dos vereadores Emano Araújo, Nega Fofa e Décio Motos, eleitos em 15 de novembro.

Dessa forma, o número de votos válidos do pleito cairia de 50.081 para 43.082, alterando o quociente eleitoral de 2.946 para 2.534 votos.

Nessa possibilidade, o Patosonline.com considerou a validação dos votos alcançados pelos demais partidos que estão sendo investigados, casos do PSL, que somou 5.094 votos; o PL, que terminou o pleito com 3.809 votos; o REDE, que recebeu 2.732 votos, o Avante, que alcançou 2.548 votos; o MDB, que recebeu 1.667 e o DEM, que foi votado por 1.238 eleitores.

Com isso, 12 vagas seriam preenchidas de forma direta pelo quociente eleitoral, enquanto outras 5 seriam completadas por meio das sobras. Confira como ficaria a nova configuração da Câmara Municipal de Patos sem os votos do Solidariedade:

VEREADORES ELEITOS PELO QUOCIENTE ELEITORAL

REPUBLICANOS: Ítalo, Nadir e Segundo

PSL: Tide Eduardo e Ferré Maxixe

PSC: Marco Cezar

PL: Jamerson Ferreira

PROS: Willa da Farmácia

REDE: Sangento Patrian

DC: David Maia

PATRIOTA: Josmá Oliveira

AVANTE: Nandinho 2.548

VEREADORES ELEITOS PELAS SOBRAS

1ª SOBRA: Zé Gonçalves (PT), com média partidária de 2.468 votos.

2ª SOBRA: Sales Junior (Republicanos), com 2.215 votos de média partidária.

3ª SOBRA: Junior Contigo, (PROS), com 1.961 votos de média partidária.

4ª SOBRA: Juarez-PSC, com 1.936 votos de média partidária.

5ª Sobra: Rafael da Civil, (PL), com 1.905 votos de média partidária.


Por Genival Junior – Patosonline.com