Campinense recebe o Bahia em jogo único pela primeira fase da Copa do Brasil

Foto: Samy Oliveira/Campinense Clube



A temporada de 2021 vai começar oficialmente para o Campinense na noite desta terça-feira (09). Às 21h30, a Raposa pega o poderoso Bahia pela primeira fase da Copa do Nordeste, no estádio Amigão, em Campina Grande. Pelo regulamento da competição, o rubro-negro só se classifica em caso de vitória. Empate e vitória dos baianos garantem os visitantes na próxima fase.

O sorteio do duelo ocorrido apenas na semana passada surpreendeu o técnico Ederson Araújo, do time paraibano, que esperava jogar apenas no dia 17, pelo Campeonato Paraibano. Com isso, sua pré-temporada, iniciada no fim de janeiro, foi diminuída em uma semana, e o amistoso contra o Retrô-PE, que aconteceria no domingo (07), foi cancelado. Ainda assim, a expectativa é boa para a estreia no torneio nacional.

Para a partida de logo mais, o Campinense não terá à disposição o volante Patrick, que tem contrato com seu antigo clube, o Atlético-PE, até o dia 18 deste mês, por isso, ainda não tem vínculo vigente com a Raposa. Mais dois jogadores ficam de fora, esses por motivos clínicos. O meia-atacante Pedro Cobel e o atacante Marcos Nunes, o último deles seria titular, testaram positivo para Covid-19 e serão baixas no elenco.

Já o Bahia vem para seu segundo jogo com o time titular desde o fim do Campeonato Brasileiro da Série A, há quase duas semanas. O treinador Dado Cavalcanti terá ainda o reforço do atacante Gilberto, que não enfrentou o Botafogo-PB no último fim de semana, no empate por 1 a 1 pela Copa do Nordeste, em que o time ficou devendo e muito em termos de atuação.

Arbitragem

Dyorgines José Padovani de Andrade apita o jogo, auxiliado por Fabiano da Silva Ramires e Vanderson Antônio Zanotti, todos do Espírito Santos. O quarto árbitro escalado foi Diogo Roberto, do quadro da Federação Paraibana de Futebol.


Voz da Torcida