Brasileiro: Flamengo perde para o São Paulo, mas é campeão; Tricolor vai à fase de grupos da Libertadores

Jogadores do Flamengo comemoram gol sobre o São Paulo Alexandre Vidal/Flamengo



Foi com muito, mas muito sofrimento, mas o Flamengo é bicampeão do Brasileiro! Nesta quinta-feira, o Mengão perdeu por 2 a 1 para o São Paulo, no Morumbi, mas conquistou o título porque, em Porto Alegre, o Internacional ficou no empate por 0 a 0 com o Corinthians.

Desta forma, o Fla encerrou sua participação com 71 pontos, enquanto o Colorado fez 70 pontos, terminando como vice-campeão.

Nos minutos finais, aliás, os jogadores rubro-negros ficaram dentro de campo acompanhando por streaming no celular os minutos finais do jogo do Internacional. Foram momentos de enorme tensão, mas que acabaram com enorme festa e comemoração no gramado.

Já a equipe do Morumbi acabou com 66 pontos, em 4º lugar, e conseguiu a classificação à fase de grupos da Conmebol Libertadores.

Em campo, o Flamengo começou dominando amplamenta a bola, com quase 70% de posse. O São Paulo, por sua vez, especulava nos contra-ataques.

A partida, porém, era muito faltosa, com os jogadores reclamando a cada lance e o árbitro Rodolpho Toski Marques sendo constantemente pressionado.

Os mandantes, por exemplo, foram à loucura depois que o juiz não marcou suposta penalidade de Isla em Igor Vinícius.

Na melhor chance de gol flamenguista na 1ª etapa, Gabigol apareceu bem no 2º pau para tentar conferir, mas acabou errando e mandando para fora.

E quando parecia que o 1º tempo terminaria zerado, uma falta na entrada da área acabou em gol dos paulistas.

Aos 49 minutos, Luciano surpreendeu Hugo Souza e acertou a cobrança no cantinho, estufando as redes do Morumbi e abrindo o placar.

Foi o 18º gol do atacante no Brasileirão, assumindo a liderança da artilharia.

Na volta do intervalo, as duas equipes mantiveram as mesmas formações, mesmo com o Fla atrás no placar.

O Rubro-Negro manteve sua postura ofensiva e foi premiado com o gol de empate logo aos 5 minutos.

Após cobrança de escanteio, Gustavo Henrique ganhou bem pelo alto e deu assistência para Bruno Henrique resvalar e igualar o placar.

Mas Hugo Souza, que já havia ido muito mal no 1º gol são-paulino, falhou de novo e deu ao Tricolor a oportunidade de ficar novamente na frente.

Aos 13, o arqueiro errou na saída de bola e entregou de presente para os paulistas. Daniel Alves achou Pablo, que bateu rasteiro para marcar.

Na comemoração, o atacante, que vive péssima fase e só fez dois gols no Brasileiro, se emocionou muito e até chorou.

Rogério Ceni, então, resolveu mexer na equipe, sacando Gabigol e colocando Pedro no comando do ataque.

Em sua 1ª jogada, Pedro ganhou pela esquerda, cruzou para a área e viu Bruno Henrique cabecear com muito perigo.

Os cariocas seguiram insistindo até o apito final, mas não conseguiram mais superar a bem armada defesa são-paulina.

Com isso, o jogo acabou mesmo em 2 a 1, com o Fla celebrando a conquista mesmo com derrota no Morumbi.


ESPN.com.br