BRASILEIRÃO: Atlético-MG “pipoca” e paulistas fazem bonito

Foto: Pedro Souza/Atlético-MG



Na abertura da 34ª rodada do Brasileirão, o Atlético-MG praticamente saiu da disputa pelo título ao perder para o Goiás. Os outros jogos desta quarta-feira envolveram times que sonham com a Copa Libertadores. Com isso, deixou o campo aberto para Internacional-RS e Flamengo ampliarem a vantagem na frente da tabela.

POUCA INSPIRAÇÃO
Em uma noite sem inspiração, o Atlético-MG perdeu para o Goiás, por 1 a 0, no Hailé Pinheiro, e praticamente saiu da disputa pelo título. A diferença para o líder Internacional pode ficar em oito pontos no complemento da rodada.

A derrota fez o Galo estacionar nos 60 pontos, na terceira colocação, correndo o risco de ser ultrapassado pelo São Paulo. Já o Goiás chegou aos 32 e, apesar de ainda estar na zona de rebaixamento, viu uma luz no fim do túnel.

EMBALADO
Na Arena Fonte Nova, o Fluminense emplacou a terceira vitória seguida ao bater o Bahia, por 1 a 0, e ficou mais perto da Libertadores ao chegar aos 56 pontos, encostando no G4.

Enquanto isso, o Esquadrão parou nos 36 e, na 15ª colocação, pode entrar no Z4.

DUELOS DIRETOS
Os outros três jogos foram confrontos diretos por vaga na pré-Libertadores. De virada, o Corinthians ganhou do Ceará, por 2 a 1, na Neo Química Arena. O Timão é o oitavo colocado, com 48 pontos, três a mais que o Vozão.

Na raça e com dois pênaltis polêmicos, o Santos arrancou um empate com o Grêmio, por 3 a 3, na Arena do Grêmio. O Peixe acabou caindo para a décima colocação, com 46 pontos, enquanto o Imortal é o sétimo colocado, com 53.

BULLS E CLAUDIO ARTILHEIRO
Com mais um show de Claudinho, que assumiu a artilharia do Brasileirão, com 17 gols, o Red Bull Bragantino ganhou do Atlético-GO, por 2 a 0, no Nabizão. O Massa Bruta pulou para a nona colocação, com 47 pontos, dois a mais que o Dragão.


Por Agência Futebol Interior