Brasil tem 1.240 mortes nas últimas 24 horas; total de óbitos chega a 331.433



Brasil registrou 1.240 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, segundo dados do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS). 

Desde o início da pandemia, 331.433 vidas foram perdidas no Brasil devido a infecção por coronavírus. Ainda segundo o painel do CONASS, 12.984.956 casos foram confirmados, sendo 31.359 novas contaminações nas últimas 24 horas. 

Os dados em geral são mais baixos aos domingos e segundas-feiras pela rotina de trabalho das secretarias estaduais de saúde, que dispõem de menos trabalhadores aos finais de semana para fazer os novos registros de casos e mortes.

Já às terças-feiras, a tendência é serem maiores, já que nesse dia o balanço recebe o acúmulo das informações não processadas no fim de semana.

Só o estado de São Paulo registrou 7.196 novos casos e 270 mortes nas últimas 24 horas. Até então, o domingo com mais mortes foi no último dia 28 de março, com 244 vítimas.

Situação das UTIs

A situação dos hospitais no Brasil ainda é complicada. 16 estados brasileiros e o Distrito Federal estão com mais de 90% de ocupação dos seus leitos de UTI, mostra um levantamento realizado pela CNN junto às secretarias de Saúde estaduais, atualizado na madrugada deste domingo (4).

Os estados com mais de 90% das UTIs da rede pública ocupadas são: Paraná (96%), Santa Catarina (95,2%), Rio Grande do Sul (91,3%), São Paulo (91,4%), Minas Gerais (93,08%), Distrito Federal (98,27%), Mato Grosso do Sul (105%), Goiás (97,96%), Mato Grosso (95,74%), Pernambuco (96%), Acre (94,3%), Rondônia (100%), Tocantins (93%) e Amapá (91,43%).

Já entre as unidades federativas que divulgam os dados da rede pública e privada de forma conjunta, estão com ocupação acima de 90% Rio Grande do Norte (92,64%), Ceará (92,15%) e Piauí (95,4%).

CNN Brasil