Botafogo muda time mais uma vez para enfrentar a Jacuipense

Treino do Botafogo-PB (Foto: Divulgação/Ascom Botafogo-PB)



O Botafogo da Paraíba vai para o quarto jogo na primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série C. O representante da Paraíba enfrenta nesta sexta-feira (28), às 20h, a Jacuipense-BA, na Arena Pituaçu, em Salvador-BA. Sem vencer na competição, a hora é de se redimir. Para isso, o treinador Rogério Zimmermann muda o time.

Não é uma mudança qualquer. Ele foi ousado e tira da equipe o zagueiro e capitão do time, Fred. O jogador não foi nem relacionado para seguir com a delegação. Com isso, Zimmermann mostra que não está satisfeito com o rendimento da equipe na competição nacional.

Em três rodadas, o Botafogo tem apenas um ponto ganho, batendo um recorde negativo, em sete participações na Série C, com a pior campanha. O time perdeu para o Ferroviário-CE por 2 a 0, jogando em Fortaleza. Depois, encarou o Manaus-AM em casa e empatou em 0 a 0. Na terceira partida, também em João Pessoa, o Botafogo perdeu para o Santa Cruz-PE por 2 a 1.

Os resultados negativos abalaram as estruturas do clube, envolvendo a atua diretoria, ex-dirigentes que fomentam uma forte oposição, torcedores e chegou até a comissão técnica e jogadores. Para o presidente do clube, Sérgio Meira, a saída é o entendimento entre os botafoguenses e aposta na volta da paz no clube.

É neste clima que o Botafogo busca a primeira vitória na Série C do Brasileiro. Zimmermann aposta que com mudanças, a proposta é motivar o time para vencer o primeiro jogo e se firmar na competição. Além de não contar com Fred, sacado, o treinador ainda não terá o lateral Mário Sérgio, que está no departamento médico.

O árbitro do jogo desta sexta (28) é Diego da Silva (SE) e os assistentes são Thiago Emanuel Reis e Renner Lisboa dos Santos (SE). O reserva é Moises Ferreira (BA). A Jacuipense soma três pontos, com uma vitória e uma derrota, em duas rodadas.


*Por: Franco Ferreira

Portal Correio




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.