Blog diz que Prefeitura de Patos fez contrato de imóvel até 2021 sendo que mandato termina em 2020. Procurador rebate. Ouça



O Blog do Jordan Bezerra recebeu nesta terça-feira, 10, uma denúncia envolvendo a Prefeitura de Patos, por conta da contratação irregular de um imóvel localizado a Rua Lima Campos, no São Sebastião.

O valor do contrato é de R$ 480 mil reais em dois anos, ou R$ 20 mil reais mensais, com a finalidade de abrigar serviços de diversas secretarias ligadas a gestão. O que chama a atenção, é que a vigência do referido contrato tem validade entre novembro de 2019 e novembro de 2021, ferindo a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Vale lembrar, que caso não seja interrompido, o mandato do atual prefeito interino Ivanes Lacerda termina no dia 31 de dezembro de 2020, o que o impede de firmar compromissos que alcancem a partir de 2021, quando ele não estaria mais exercendo o atual mandato.

Procurador diz que não há irregularidade em contrato de locação de imóvel

O procurador do município de Patos, advogado Jonas Guedes, disse nesta quarta-feira (11), que não há qualquer irregularidade no contrato de locação do imóvel da antiga Chevrolet pela prefeitura.

A informação foi dada ao jornalista Airton Alves durante o programa radiofônico Espaço Livre, levado ao ar das 6h às 7h, na Rádio Espinharas FM 105,1.

Segundo Jonas Guedes, esse tipo de contrato é previsto na lei, não implica se o mandato termina em 2020, o município é quem cumpre o que foi combinado entres as partes.

Ouça:

Patosonline.com

Com informações do Blog do Jordan e do Patosverdade.com