• Dra Milena
Locais

Bispo Dom Eraldo critica projeto de lei que aumenta o salário de prefeito, vice e secretários de Patos e classifica de “imoral”. VÍDEO

ÓTICAS GUIMARÃES

O Bispo Diocesano de Patos, Dom Eraldo Bispo da Silva, criticou, durante homilia da missa neste domingo, 12, o projeto de lei que aumenta o salário de prefeito, vice e secretários na cidade de Patos.

No ano de 2020 a Câmara Municipal tentou passar o PL em plena pandemia. A proposta chegou a ser aprovada, mas foi derrubada na Justiça.

Agora, um projeto da mesa diretora tenta mais uma vez aumentar o subsídio do prefeito, vice e secretários, com reajuste que leva em consideração o índice inflacionário acumulado desde 2013, ano do último reajuste.

Durante homilia na celebração da Santíssima Trindade, neste domingo, o Bispo Diocesano fez duras críticas ao projeto e afirmou que a proposta é um escândalo para a cidade de Patos.

Assista o trecho no vídeo abaixo:

Patosonline.com


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo