Politica

Bancada governista limitará discurso a cobrança para oposição desobstruir pauta na AL

 

 

""

A deputada estadual Francisca Motta (PMDB) revelou na tarde desta terça-feira (13) que a bancada de apoio ao Governo do Estado limitará a sua atuação, na Assembléia Legislativa, à cobrança para que a Mesa-Diretora ponha em pauta a votação da proposta de remanejameto de verbas para a Saúde.


A partir da sessão desta terça-feira à tarde os deputados que integram o bloco de apoio ao Governo se revezaram na tribuna com discursos focados num mesmo assunto: a cobrança para que fosse posta em pauta a matéria referente ao remanejanento que irá garantir ao Governo do Estado quase R$ 40 milhões para compra de equipamentos para hospitais.

 

À semelhança do que aconteceu na tarde de hoje, nas próximas sessões os deputados da base aliada do Governo José Maranhão só falarão sobre um tema: o remanejamento das verbas, até que a Mesa-Diretora da Casa ponha a matéria em votação.
Francisca Mota, peemedebista histórica, disse que o Governo do Estado não aceita, de maneira nenhuma, a imposição da bancada de oposição, que está obstaculando a pauta de votação para que o governo retire uma ação na Justiça contra a verba social do Poder Legislativo.

A parlamentar comentou que governo nenhum aceitaria ceder a tal procedimento, até porque assim estaria admitindo um Governo paralelo.

No seu discurso de hoje a deputada Francisca Motta renovou apeloaos deputados de oposição para que reflitam e reconsiderem a decisão de obstacular a pauta de votação para que o Governo ceda.
Ela lembrou que o povo da Paraíba é quem será penalizado caso não seja autorizado o remanejamento das vergas, que irá possibilitar, sobretudo, que hospitais sejam equipados.
       
Correio da Paraiba

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
close