Balanço da Operação Festas Juninas 2017 da Polícia Rodoviária Federal



A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou à meia-noite de ontem, na Paraíba, a Operação Festas Juninas 2017. Os trabalhos foram concentrados entre os dias 22 e 25 de junho. Vinte e três acidentes foram registrados nos quatro dias da operação, com um saldo 30 feridos e dois mortos.

A operação teve o objetivo de proporcionar mais segurança e fluidez do trânsito. O reforço na fiscalização foi concentrado nas Regiões Metropolitanas de João Pessoa, Campina Grande e em Patos, no Sertão Paraibano.

A PRF priorizou algumas ações para redução da violência do trânsito. O combate à embriaguez ao volante, o excesso de velocidade, as ultrapassagens indevidas e a condução irregular de veículos de duas rodas (motos, motonetas e ciclomotores)

O período da operação Festas Juninas deste ano foi mais curto que a do ano anterior. Ao todo, foram quatro dias, enquanto a operação em 2016 teve sete. O que provocou esta diferença na duração foi que o dia 24 (São João) caiu em uma sexta-feira, o que deu ao período uma característica de feriadão.

 

DADOS ESTATÍSTICOS

 

ANO

2017 (22 a 25)

2016 (21 a 27)

ACIDENTES

23

32

FERIDOS

30

23

MORTOS

02*

03

 

*Um dos mortos foi vítima de um acidente envolvendo um animal solto na pista no quilômetro 411 da BR 230, em Pombal, na noite do dia 22. O motorista de um Chevrolet Corsa não conseguiu evitar o atropelamento do animal, que ocasionou o capotamento do veículo, culminando com a morte de um passageiro. A PRF e a Polícia Civil constataram que a cerca da propriedade de onde saiu o animal fora violada há pouco tempo atrás, não caracterizando assim omissão do proprietário.

 

O outro acidente que provocou a morte de outra pessoa aconteceu na madrugada do sábado, na BR 104, em Cuité. O motorista de um Chevrolet Corsa colidiu na traseira de uma motocicleta Honda 125, o que provocou o óbito do condutor do veículo de duas rodas.

 

 

 

DADOS GERAIS DA OPERAÇÃO

 

TESTES DE ALCOOLEMIA

1506

MULTAS POR ALCOOLEMIA

42

PESSOAS PRESAS POR ALCOOLEMIA

4

PESSOAS PRESAS

17

CONDUTORES MULTADOS

1047 (exceto por excesso de velocidade)

MULTAS POR ULTRAPASSAGENS PROIBIDAS

230

MULTAS POR EXCESSO DE VELOCIDADE

937**

CARTEIRAS DE MOTORISTA RECOLHIDAS

51

** Dos 937 veículos flagrados em excesso de velocidsade, dois deles se destacaram negativamente entre os demais exemplos de imprudência; os radares captaram um Hyundai Azera e um Chevrolet Camaro a 192 e 175 km/h, respectivamente. Os flagrantes foram na BR 230, município de Patos, Sertão do estado. Além da multa no valor de R$ 880,41, ambos os contutores receberão 7 pontos na CNH e terão as mesmas suspensas por 12 meses.

""""

 

 

Assessoria