Auxílio emergencial chega a 57% dos domicílios paraibanos em julho, diz IBGE



Em julho, 57,1% dos domicílios paraibanos teve alguém que recebeu o auxílio emergencial, de acordo com Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) Covid-19, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O levantamento apura as consequências da pandemia no país.

Segundo a pesquisa, 721 mil residências da Paraíba receberam o auxílio, sendo o rendimento médio de R$ 940. A média do rendimento no Brasil foi de R$ 896 e no Nordeste de R$ 960.

O índice de beneficiados nos lares paraibanos cresceu em julho, em comparação a junho (56,9%) e maio (53,1%), conforme a Pnad Covid-19. Entre todos os estados do Brasil, a Paraíba é o 11° em percentual de domicílios que receberam o auxílio.

Considerando outros benefícios, como o pagamento de Seguro-desemprego, Bolsa-família ou o Benefício de Prestação Continuada (BPC), o percentual de domicílios que receberam algum desses valores em julho sobe para 60,5%, o que representa 764 mil residências nessas condições no estado.

Fonte G1 PB



Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.