Atendendo pedido do SINFEMP, Tide e Nadir não apresentaram projeto de Lei sobre suspensão dos empréstimos consignados



As vereadoras Tide Eduardo e Nadigerlane Rodrigues informaram na Sessão Ordinária remota desta terça-feira(14), da Câmara Municipal de Patos, que a pedido do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região-SINFEMP, as parlamentares não irão mais apresentar o projeto de Lei de autoria de ambas que altera a Lei 5.389/20, que dispõe sobre a suspensão dos empréstimos consignados dos servidores municipais.

O projeto previa a suspensão do empréstimo a depender de requerimento do servidor público municipal ativo ou inativo, pensionista diretamente a instituição consignatária na qual tivesse formado o contrato de empréstimo. Ainda de acordo com o projeto, as parcelas que ficarem em aberto durante esse período, deveriam ser acrescidas no final do contrato.

De acordo com as parlamentares, o SINFEMP comunicou a elas que já entrou com uma ação na justiça para rever essa situação, o que nesse momento não torna mais necessário a apresentação do projeto.

“Durante contato com a diretoria do SINFEMP foi nos informado que já foi dada entrada em uma na justiça e então, decidimos, a pedido do Sindicato, aguardar o resultado da ação, pois o nosso projeto tem objetivo semelhante”, explicou a presidente da Câmara, Tide Eduardo.

Assessoria




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.