Assaltos constantes causam medo e apreensão nos moradores da rua Ernani Sátiro, no centro de Patos



A crescente onda de assaltos no centro histórico da cidade de Patos está tirando o sossêgo dos moradores, principalmente da rua Ministro Ernani Sátiro.

Na noite desta quarta-feira, dia 16, por volta das 18 horas, uma adolescente de 16 anos foi assaltada e teve seu celular roubado por um homem moreno, de mais ou menos 1,70 de altura, usando boné preto, camisa preta, short e sandália. A vítima informou que o assaltante tem uma tatuagem no pescoço, mais ou menos como uma frase escrita.

Ela disse que desceu a rua e após passar pelo Bar do Tião, foi abordada pelo bandido, que anunciou o assalto. Não havendo resistência, o meliante pegou o aparelho celular e se evadiu correndo na direção do Banco Santander.

Populares ainda fizeram rondas na localidade, porém não encontraram pistas do assaltante.

O fato já foi informado à Polícia Civil e o Boletim de Ocorrência foi devidamente registrado.

Segundo caso em menos de 15 dias e no mesmo trecho da rua Ernani Sátiro

A questão mais preocupante é que este já é o segundo assalto ocorrido há menos de 15 dias no mesmo trecho da rua Ministro Ernani Sátiro (Mesma Rua da Funes e do Baicora).

Há cerca de 10 dias atrás uma mulher idosa teve seus pertences tomados de assalto praticamente no mesmo local, quando um homem se aproximou da mesma e usando de violência chegou a derrubá-la no chão para conseguir levar uma bolsa com dinheiro. O fato ocorreu por volta das 10h da manhã.

Moradores pedem mais policiamento na localidade, pois temem pela segurança de jovens e idosos.

Matéria por Patosonline.com




Em cumprimento à Legislação Eleitoral, o Portal Patosonline.com não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2020 se encerrarem.