Árbitro patoense é reprovado em teste da CBF



Mais um dia negro ficou marcado nas paginas da história da arbitragem paraibana, quando nesta sexta-feira (04) no campo da Universidade de Fortaleza – CE, aconteceram novas avaliações feitas através dos membros da CBF, cujo objetivo era de dar novas chances aos árbitros e assistentes paraibanos que fazem parte do quadro de arbitragem da CBF, sendo que das sete pessoas que estavam previstas a fazerem os novos testes, apenas duas conseguiram êxito, resultando 5 reprovações.

Segundo as informações que nos foram repassadas no final da tarde deste sábado (05) através do Assessor de Imprensa da Federação paraibana de Futebol Geraldo Varella, dos sete candidatos inscritos ao re-teste, apenas Emerson Batista  e Jéferson Nolete foram aprovados, enquanto Miguel Félix, o Aspirante Pedro Livio Honorato e Adriana Basílio, foram todos reprovados e deverão ser substituídos de imediato.

Varella ainda nos informou, que os árbitros Kelton Falcão e Adalberto Moésia, não chegaram nem a viajar, devido terem desistido da nova chance, sendo que Kelton foi por motivo de uma contusão que o impediu de participar dos testes. Já o cajazeirense Adalberto Moésia, não se sabe ainda o motivo da sua desistência.

Francisco Sales