Aposentado de 74 anos abusa sexualmente um menino de apenas 12 anos



 

"Acusado"O autor da violência João Guedes da Silva, 74 anos, conhecido por “João de Julião” foi flagrado abusando sexualmente um menino de 12 anos, cometendo o ato na parede de um fogão de lenha, a vítima sofre de problemas mentais.

O caso aconteceu no Distrito de Icozinho, distante cerca de 60 quilômetros da sede do município de Icó-CE e revoltou toda a população.

A mãe da criança que flagrou a cena, ligou imediatamente e acionou a polícia que foi até o local e prendeu o acusado em flagrante.

O acusado foi ouvido pelo delegado regional de Icó, Dr. José Gonçalves de Almeida, que acabou indiciando o acusado por estupro vulnerável, o mesmo está a disposição da Justiça, estando detido no presídio local. 

A mãe da vítima, Josefa Benedito da Cruz, foi acusada por “João de Julião” de estar tentando o incriminar como o autor do delito.

Apesar da doença mental a criança contou aos policias os detalhes de como foi abusado pelo aposentado. A criança será submetida à exames de conjunção carnal no Instituto Médico Legal (IML) de Iguatu-CE.

Os moradores daquela localidade e vizinhos ficaram revoltados com o comportamento do acusado, ele é pai de onze filhos e mesmo assim não se importou, abusando sexualmente de uma criança.

PatosOnline com ajuda de Folha do Sertão