Gerais

Após três meses internado para tratamento de tumores, popular DJ Alisson recebe alta do Hospital Metropolitano, em João Pessoa

"[...] Obrigado meu Deus, gratidão a cada um que orou e continua firme em oração e permaneceu firme ao meu lado. Vivo por Cristo", disse Alisson em suas redes sociais.

ÓTICAS GUIMARÃES

Na manhã deste domingo, dia 09 de janeiro, o jovem Alisson Avelino de Lucena, conhecido popularmente por DJ Alisson, recebeu alta do Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, em João Pessoa, onde estava internado há três meses para o tratamento de tumores na garganta e na cabeça.

Em entrevista à nossa reportagem há cerca de dois meses, Alisson havia relatado que estava enfrentando problemas de saúde em decorrência de um tumor na garganta. Segundo Alisson, há algum tempo ele passou a ter dificuldades para engolir e também perdeu a respiração completa pelo nariz, foi quando descobriu um tumor na garganta e dois no nariz, sendo que o do nariz estava subindo para o crânio.

Ele foi então internado no Hospital Metropolitano, em João Pessoa, onde passou a realizar o tratamento. Durante esse período, Alisson passou por traqueostomia, embolização, e fez duas cirurgias para a retirada dos tumores. Na primeira cirurgia para retirada de um tumor na cabeça, ele corria grandes riscos, e durante o processo operatório ficou debilitado e precisou tomar bolsas de sangue e plasma, mas conseguiu vencer a primeira batalha. Pouco tempo depois, Alisson passou por uma nova cirurgia para retirada dos tumores da garganta e do nariz, quem também foi um sucesso.

Em suas redes sociais, ele expressou a sua alegria nesse dia tão especial: “Depois de longos 3 meses, hoje recebo alta, vou para casa, para perto da minha família, repor todas as energias, me recuperar 100%, Deus é maravilhoso. Meu coração transborda de felicidade. Obrigado meu Deus, gratidão a cada um que orou e continua firme em oração e permaneceu firme ao meu lado. Vivo por Cristo”, disse Alisson.

A mãe de DJ Alisson falou recentemente à nossa reportagem, e contou que um pouco da situação da família. Ela é autônoma e teve que parar de trabalhar para acompanhar seu filho durante o tratamento, e seu marido é vendedor ambulante, não tendo uma renda fixa e o que apura já é para pagar o aluguel e as despesas de casa. Mesmo após a alta hospitalar, Alisson continuará realizando o tratamento para se recuperar 100%, e pede qualquer ajuda para pode suprir as despesas da família. Quem se solidarizar pode doar através da chave PIX: 83996976557.

Patosonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo