• Dra Milena
Esportes

Após finais do estadual, Botafogo-PB e Campinense voltam a se enfrentar, agora pela Série C

ÓTICAS GUIMARÃES

Pela terceira vez em dez dias será disputado um Clássico Emoção, o quarto na temporada de 2022. Pela sétima rodada da Série C do Campeonato Brasileiro, Botafogo-PB e Campinense se enfrentam nesta quarta-feira (25), às 20h, no estádio Almeidão, em João Pessoa, apenas três dias depois da Raposa conquistar o título Paraibano sobre o Belo.

Se o resultado do estadual não muda mais, no torneio nacional a equipe da capital está em melhor situação. Com 12 pontos, o Bota-PB está na terceira posição, com um ponto a menos que o ABC, e pode reassumir a vice-liderança. Por sua vez, o time da Rainha da Borborema tem 8 pontos e ocupa a décima quarta colocação, com apenas dois pontos a mais que o Brasil de Pelotas, primeiro time dentro da zona de rebaixamento.

As duas derrotas nas finais do Paraibano preocupam o clube da Maravilha do Contorno, mas a busca é por virar a página e manter a boa fase na terceira divisão. O técnico botafoguense, Gerson Gusmão, admitiu que pode fazer mudanças tanto no esquema tático quanto em jogadores para tentar buscar uma alternativa para superar um rival incômodo, que não consegue vencer há cinco partidas. Os desfalques ficam por conta do lateral-esquerdo Bruno Ré e o meia Esquerdinha, que estão no Departamento Médico. O volante Ratinho, por sua vez, deve voltar a ficar disponível para o jogo.

Apesar de estar em situação delicada na tabela, não há como negar que os ânimos para o duelo estão melhores do lado raposeiro. E é disso que quer se aproveitar o treinador Ranielle Ribeiro, que descartou poupar algum atleta que esteja mais desgastado e garantiu que vai com força máxima para o jogo em João Pessoa. Com isso, devem começar a partida os mesmos titulares que iniciaram o jogo do último sábado, quando o time conquistou o bicampeonato estadual de forma invicta.

Arbitragem

Jean Pierre Gonçalves apita o jogo, auxiliado por Leirson Peng Martins e Lúcio Beiersdorf Flor, todos do Rio Grande do Sul. O quaro árbitro é o paraibano Tiago Ramos.

Escalações

Botafogo-PB: Luís Carlos, Jonathan, Gabriel Yanno (Leandro Camilo), Paulo Vitor; Edvan, Alessandro; Ratinho, Pablo, Nádson; Leilson e Gustavo Coutinho. Técnico: Gerson Gusmão.

Campinense: Mauro Iguatu, André Mascena, Michel Bennech, Cleiton, Emerson; Magno, Jeferson Lima, Dione; João Paulo, Luiz Fernando e Olávio. Técnico: Ranielle Ribeiro.


Equipe @Vozdatorcida


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo