Após 4 dias Desembargador manda voltar presidente da Câmara de Santa Terezinha



Um Agravo de Instrumento, assinado pelo Desembargador José Di Lorenzo Serpa (foto), expedido nesta terça-feira (11/12), no Tribunal de Justiça da Paraíba, anulou uma decisão interlocutória proferida pelo juiz da 5ª Vara da comarca de Patos, na qual concedeu a presidência da Câmara Municipal de Santa Terezinha ao vereador Fábio Félix.



O desembargador alegou em sua decisão, que tramita na Comarca de Patos a Ação de Anulação de Ato Administrativo co pedido de antecipação parcial dos efeitos da tutela.



Com essa decisão a presidência da Câmara de Santa Terezinha, volta a ser ocupada pelo vereador José do Egito (PR).



Desde o início do ano, a presidência daquela câmara vem sendo ocupada, ora pelo vereador Fábio Félix, ora pelo vereador José do Egito. Essa briga se arrasta na justiça, depois da chapa encabeçada por José do Egito, contestar o resultado da eleição do dia 27 de dezembro de 2006, na qual o então presidente Davi Cordeiro, após uma sessão tumultuada, declarar Fábio Felix como sendo o novo presidente.



A outra chapa recorreu a justiça, alegando que o vereador Davi, teria mudado o voto do vereador José Batista de Medeiros para Fábio Félix. Segundo os vereadores que compõem a chapa do José do Egito, José Batista, teria votado no então candidato à presidência daquela Casa, José do Egito.