Politica

Antônio Mineral: “Ricardo Coutinho partiu na frente, Cícero Lucena se atrasou e agora RC é lider”

ÓTICAS GUIMARÃES
""/Deputado também voltou a fazer duras críticas a Maranhão e ao prefeito de Patos. Ouça a entrevista.

O Deputado Estadual Antonio Mineral (PSDB) disse na tarde desta sexta-feira em entrevista ao site CatingueiraOnline, que esta confirmada sua presença no encontro das oposições que será realizado nesta segunda-feira.


O deputado ainda criticou o governador José Maranhão pelos pedidos de empréstimos que o mesmo vem fazendo, citando ainda o último no valor de R$ 280 milhões que o governador solicitou aprovação da assembléia.

Mineral também disse que acredita na união das oposições, pois só assim com a união a eleição será vencida mais facilmente.

Ao ser perguntando sobre o que ele achava da união de Cássio a Ricardo Coutinho, Antonio Mineral respondeu: “É a união das oposições, Ricardo Coutinho hoje parte ganhando em João Pessoa, em Campinha Grande, com o apoio de Cássio e no resto da Paraíba. Hoje o que vejo é a vontade do povo, é eleger um candidato das oposições, ai Ricardo partiu na frente como candidato da oposição, Cícero se atrasou e Ricardo lidera as pesquisas”.

Mineral também disse que acredita em uma desistência da candidatura de Cícero Lucena. “Quando Cícero ver que sua candidatura só vai favorecer o candidato que está hoje no governo, com certeza ele vai atender aos amigos e o povo da Paraíba e desistir de sua candidatura” relatou o deputado.

Antonio Mineral também voltou a fazer duras criticas ao prefeito da cidade de Patos, Nabor Wanderley (PMDB).

Mineral disse que a candidatura do filho de Nabor, Hugo Wanderley, surgiu para fazer legenda ao PMDB. “No ano passado, o prefeito de Patos tirou centenas e centenas de contratados e agora está oferecendo estes cargos as lideranças, a população para ficar até outubro e depois de outubro ele retira este pessoal só para conseguir o voto para deputado federal”, disse mineral.

Catingueiraonline.com

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios