Alberto Fernández é eleito presidente da Argentina



Alberto Fernández foi eleito novo presidente da Argentina nas eleições deste domingo (27). Com a ex-presidente Cristina Kirchner como vice na chapa, ele derrotou o atual mandatário, Mauricio Macri – resultado previsto ainda nas prévias eleitorais de agosto.

Em discurso a apoiadores, Macri concedeu a derrota às 22h23 (horário de Brasília). “Quero parabenizar o presidente eleito, Alberto Fernández”, afirmou. “Os argentinos aprenderam muito nesses quatro anos. O que virá também será um aprendizado”, acrescentou.

Com 91,5% das urnas apuradas, Fernández tinha 47,8% dos votos. Macri, 40,6%. O resultado garantia a vitória para o kirchnerista porque, na Argentina, o candidato vence no primeiro turno se obtiver mais do que 45% dos votos.

Fernández nunca concorreu a um cargo majoritário. Ele é um dirigente peronista, a principal corrente política do país e foi escolhido pela ex-presidente Cristina Kirchner para liderar a chapa –ela será sua vice se o resultado das projeções se confirmar.

Fernández foi uma surpresa na campanha eleitoral argentina. Peronista moderado e pragmático, o professor de direito da Universidade de Buenos Aires foi alavancado pela companheira de chapa, Cristina Kirchner, e teve o apoio de um núcleo de conselheiros, o Grupo Callao (referência ao endereço onde eles se reúnem, na Avenida Callao, em Buenos Aires).

No começo dos anos 2000, o próprio Fernández participou de um conjunto semelhante, o Grupo Calafate, que ajudou a levar Néstor Kirchner à presidência.

Fernández governará um país dividido. Para muitos argentinos, o retorno do peronismo de Kirchner é uma catástrofe.

G1


error0
Tweet 20
fb-share-icon20
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com