Ainda repercute nos 4 cantos da cidade derrota de Ivanes na Câmara de Patos



Mesmo com um resultado de 8 (oito) votos a favor da emenda e 7 (sete) contrários ao Projeto de Lei complementar que modificaria o Código Tributário de Patos, o PL foi derrotado em sessão extraordinária realizada nesta terça-feira 24/12 na Câmara Municipal de Patos.

O voto que surpreendeu todos e que teria sido decisivo na influência do resultado foi o do vereador Ramon de Chica Pantera, o qual a maioria esperou ser favorável ao Executivo.

Ramon garantiu que votou contra o projeto por pura intuição e não por pressão. Disse ainda que, mesmo diante da nomeação da esposa no governo municipal como secretária da mulher não teme represálias. Garantiu que, mesmo se o governo resolver exonerá-la não mudará sua decisão. – A minha esposa, ela hoje está como secretária por competência e não vai sair da secretaria, não vai ser por incompetência não, pode ser por qualquer coisa, mas por incompetência eu tenho certeza que ela não sai, – garantiu.

Muita gritaria e bate-boca entre vereadores e o próprio auditório eufórico que foi orientado pela presidência da casa a não intervir nos trabalhos do Legislativo sob ameaça de expulsão.

Nos quatro contos da cidade repercutiu muito a derrota de Ivanes, já tida quase como certa, até mesmo entre os vereadores de oposição. A retirada de Sales Júnior da votação e a mudança de Ramon Pantera de última hora renderam uma grande derrota ao prefeito interino.

Portalpatos com último parágrafo do Patosonline.com