Agricultor mata cunhada e depois é assassinado pelo irmão



Em mais uma tragédia entre família registrada na Paraíba, duas pessoas foram mortas a tiros, na manhã desta segunda-feira (20), no Sítio Pai João, zona rural de Lagoa.

De acordo com informações obtidas pela reportagem da rádio LIBERDADE 96 FM, junto a policiais militares da 3ª companhia local (foto), tudo teve início por volta das 9h50 da manhã, com uma discussão – por motivos não divulgados – entre o agricultor Francisco Luiz de Oliveira, de 65 anos, e sua cunhada, Maria Izabel Filher, de 60 anos.

Segundo a PM, ela foi até a residência do cunhado, travando o bate-boca, que terminou sendo atingida com dois tiros de revólver, disparados por Francisco Luiz. Ela morreu no local.

Ao ouvir os tiros, o também agricultor Valdeci Luiz de Oliveira, marido da vitima e irmão do acusado, teria ido até a residência de Francisco, armado com uma faca, travando uma luta corporal com o irmão, que foi parar no muro da residência.

Valdeci conseguiu tomar o revólver de Francisco, efetuando três disparos contra ele, que também teve morte imediata.

Após o crime, o acusado fugiu da casa. Diversos policiais militares de Lagoa e de Pombal estão no referido sítio, na tentativa de prender o autor do crime, mas até o fechamento desta matéria ainda não haviam conseguido.

Rádio Liberdade de Pombal