Advogado diz que partidos que apresentaram candidaturas laranjas poderão ter os votos anulados pela Justiça Eleitoral. Ouça;



O advogado Phillip Palmeira, comentou no jornal Notícias da Manhã desta quinta-feira, 19, apresentado por Misael Nóbrega e Genival Junior na Rádio Espinharas FM 97,9, a discussão em torno de supostas candidaturas laranjas existentes nas eleições municipais deste ano em Patos.

O esclarecimento do jurista foi dado após uma matéria apresentada no Patosonline.com, que constatou cinco candidatos a vereador com votação zero na página do sistema DivulgaCand do Tribunal Superior Eleitoral-TSE, podendo caracterizar a apresentação de candidaturas laranjas.

“Realmente, analisando o caso, já teve o entendimento do Tribunal Superior Eleitoral, que essas candidaturas laranjas poderão anular todo o DRAP do partido, que concorreu e colocou essa pessoa apenas para preencher essa vaga obrigatória”, explicou Phillip Palmeira.

Dos cinco casos, apenas a candidata Fabiana Gomes, do Solidariedade, encontra-se com a candidatura sub-júdice. A relação contempla dos candidatos que terminaram zerados em Patos, contém os nomes de Albanete, do Rede, Valdilene, do DEM, Betânia e Wendel, do MDB.

Além dos candidatos que terminaram zerados, tivemos dois casos de partidos que apresentaram candidatos que mantém vida conjugal, possivelmente para preenchimento de vagas, como foi o caso dos candidatos Biba e de sua esposa Geane, do PL, e de Berg Contador e de sua esposa Edith, pelo Rede.

Phillip Palmeira também informou que o prazo para os partidos ou candidatos que se sentirem prejudicados questionarem as candidaturas laranjas na justiça eleitoral, poderá ser feito até a diplomação dos eleitos, que vai ocorrer até 18 de dezembro.

Se anulados os votos de um ou mais partidos que disputaram as eleições esse ano, será necessário um recálculo no quociente eleitoral, podendo alterar também a distribuição final das 17 vagas.

Phillip Palmeira

Por Genival Junior – Patosonline.com