Advogado da coligação Patos Competente explica o que motivou ação contra Ramonilson Alves. Ouça



advogado da Coligação Patos Competente, que tem como candidato a prefeito Nabor Wanderley e vice Jacob Souto, falou para o programa Espinharas Notícias desta sexta-feira (23), e na oportunidade comentou sobre a decisão da juíza eleitoral da 28ª zona eleitoral, Ana Hilário, que multou em 20 mil reais o candidato a prefeito Ramonilson Alves, da coligação “Pra Devolver Patos Para o Seu Povo”, por postagem irregular nas suas redes sociais oficiais.

Maikon Minervino explicou que a liminar foi motivada pela publicação de um vídeo postado por Ramonilson, nas suas redes sociais, onde o mesmo classifica a coligação de Nabor e seus seguidores como turma da corrupção e da mundiça.

Portanto, ele afirma que a representação contra Ramonilson se deu como forma de repúdio às afirmações dele, uma vez que foi lançada para todo um grupo de pessoas que apoiam o candidato contrário.

A liminar da juíza Ana Hilário diz que o Ramonilson Alves se abstenha de fazer qualquer outra publicação com teor negativo contra seu adversário, e retire do ar o referido vídeo.

Ouça mais detalhes na entrevista que segue

Matéria por Patosonline.com