Advogada nega que haverá nova eleição ou recontagem de votos no tocante à escolha dos novos conselheiros tutelares de Patos. Ouça



A advogada Roberta Lívia falou à imprensa local nessa última sexta-feira (27) e na oportunidade repassou informações sobre o processo de eleição dos conselhos tutelares de Patos, ocorrido no último dia 6 de outubro.

Lívia disse que o motivo de ter procurado a imprensa local é para esclarecer uma informação equivocada e divulgada nos meios de comunicação locais.

Ela nega que o juiz da quarta vara de Patos tenha deferido uma liminar para que a recontagem dos votos seja feita.

Ela garantiu que essa liminar nunca existiu e explicou que o mandado de segurança que trata dessa questão envolvendo as eleições dos conselhos tutelares norte e sul, solicita apenas a suspensão da queima das cédulas de votação. Além disso, pede a apresentação da ata onde o conselho deliberou sobre o resultado do referido pleito.

E reforçou que até o presente momento o Conselho Municipal da Criança e do Adolescente não recebeu qualquer ação que verse sobre a anulação das eleições em questão.

Ouça mais detalhes na entrevista que segue.

Matéria por Patosonline.com