Policial

Acusado de matar rival em Catolé do Rocha é morto em confronto com a PM 

ÓTICAS GUIMARÃES

Um jovem, identificado como Lucas, morreu após trocar tiros com a Polícia Militar e ser baleado no município de Catolé do Rocha, no Sertão paraibano, nesta segunda-feira (19).

Lucas é acusado de matar um rival, Anderson Pereira, e balear outro rapaz, o que teria provocado uma vingança: o pai de Anderson matou o pai de Lucas, Flaviano, já que não encontrou Lucas para vingar a morte do filho, segundo apurou o ClickPB.

Após esses dois homicídios, a Polícia Militar fez buscas para encontrar Lucas, acusado de dar início a essa série de mortes violentas. Na pousada onde estava hospedado, Lucas teria atirado contra os policiais, que reagiram e o atingiram com tiros. Ele foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

A Polícia Militar encontrou, no local da abordagem a Lucas, uma arma calibre 380 e drogas. Lucas já tinha passagem pela polícia por roubo e tentativa de homicídio.

Nas redes sociais, a mãe de Lucas lamentou a morte do filho e do esposo. “Meu filho, porque você me deixou. Não vou suportar.”

Fonte: ClickPB


Mostrar mais
Botão Voltar ao topo