28ª morte do ano em Patos: Mototaxista é morto a tiros



Já são 28 (vinte e oito) pessoas vítimas da violência em Patos esse ano. Desconhecidos até o momento, não identificados pela polícia mataram nesta quinta-feira (16) o moto taxista Sílvio Morais Xavier, vinte e oito anos de idade, casado residente no bairro São Sebastião.

O rapaz foi lesionado com 02 (dois) tiros no Peito que transfixaram suas costas. A ocorrência aconteceu por volta das 19h nas proximidades da Linha Férrea, porém a vítima só caiu aproximadamente uns 300m da localidade onde aconteceu o crime.

Após os suspeitos atirarem na vítima, ela conseguiu abandonar sua moto uma YBR de cor azul, placa KJF 4237 e correr até a Rua Pedro Benedito que é uma das principais do bairro São Sebastião com bastante movimento.

A delegada Simone Quirino que está à frente das investigações desse crime disse que é difícil trabalhar na elucidação por falta de testemunhas, porém adiantou que a primeira linha de investigação será assalto, mas deixou claro que a hipótese de envolvimento da vítima com droga não está descartada.

Diante da inércia dos Peritos Criminais que só apareceram no local aproximadamente hora e meia após a confirmação do assassinato, o corpo de Sílvio ficou estendido na calçada de uma residência mais de duas horas a disposição dos curiosos.

Ainda por cima uma perita tentou dificultar o trabalho de nossa equipe impedindo que nosso fotógrafo fizesse fotos na hora da realização dos trabalhos da equipe, contrariando a opinião das demais autoridades que não viram inconveniência alguma da imprensa na hora de exercer o seu papel.

O corpo do rapaz foi retirado do local após perícia por uma viatura de funerária, já que o Rabecão, de acordo com informações, havia deixado a cidade para recolher um corpo na Cidade de São Bentinho. Ninguém sabe onde foi parar o segundo veículo condutor de cadáveres que havia aqui em Patos.

 

Mário Frade/potalpatos

Foto/Mário Frade