Prefeito de Patos anuncia reforma administrativa e declara que aliados não terão empregos



O novo prefeito de Patos, Sertão da Paraíba, Ivanes de Lacerda (MDB), em entrevista nesta terça-feira (03), explicou que a exoneração dos contratados e comissionados é para controle da folha.

O gestor adiantou que pensa em fazer uma reforma administrativa, que pode contar com fusão de secretarias e extinção de cargos públicos.

Ivanes assegurou que não tem pressa em gastar o dinheiro público. ”Estou até com preguiça de gastar”, disse ele para constatar que não tem pressa, pois vai fazer um estudo sobre o caso.

CÂMARA

Com cinco mandatos consecutivos na Câmara Municipal, o prefeito afirmou que tem um relacionamento harmoniosos com os vereadores.

ALIADOS

Ele disse que não haverá distribuição de cargos para aliados, pois os empregos vão obedecer o critério técnico. “Se um cargo escolhido por eficiência for um agente político essa ligação não interessa”, afirmou o emedebista, que sentenciou: “Não me preocupo com nomes, me preocupo com resultado”.

O EX

Quanto ao ex-prefeito interino, o vereador Sales Júnior, o atual gestor afirmou que ele pode ser aproveitado em uma secretaria no Governo Municipal.

GOVERNO

Quanto sua relação com o Governo da Paraíba, Ivanes assegurou que buscará parcerias, pois João Azevêdo foi bem votado em Patos. “Tenho certeza que ele não nos negará ajuda nesse momento difícil”.



Diário do Sertão