18 dias depois da esposa, auditor fiscal patoense Humberto Xavier morre de Covid-19



Faleceu por volta das 05h00 da manhã desta quarta-feira, dia 24, em decorrência de complicações provocadas pela COVID -19, no Hospital Nossa Senhora das Neves, em João Pessoa, o auditor fiscal Humberto Xavier de França, de 69 anos.

Humberto trabalhou por muitos anos na Coletoria Estadual da cidade de Patos. Antes de ser auditor fiscal trabalhou na antiga fábrica de fumo Dubom e no Escritório de Contabilidade Oscar Leandro, em Patos. Ele também era professor universitário.

Filho do conhecido professor Luiz de França (in memoriam), Humberto era natural de Patos, mas residia em João Pessoa há cerca 25 anos.

Há dezoito dias faleceu a sua esposa Vanda Xavier, também de complicações da Covid-19. O casal deixa dois filhos: Vitor e Paula.

O sepultamento aconteceu às 14h00 desta quarta-feira em João Pessoa.

Folha Patoense