comentários  

13 de setembro de 2017, 21:54

Diretor do Procon de Patos orienta diz que valor cobrado para o ingresso da próxima partida entre nacional e SP Crystal é abusivo. Escute


O diretor do Procon de Patos, Bruno Maia, disse durante entrevista à imprensa local que o valor cobrado pelo ingresso correspondente à segunda partida do nacional de Patos contra o São Paulo Crystal de Santa Cruz de Santa Cruz do Espírito Santo, não pode ser aceito com um preço de dez vezes mais do que o ingresso que é cobrado normalmente em outros jogos.

Esse preço abusivo teria sido estipulado depois que o jogo foi transferido para acontecer nesta quarta-feira (13), no estádio O Almeidão em João Pessoa. Por motivo de ordem da justiça, a partida está suspensa até que se resolva o impasse entre as duas equipes.

Voltando à questão do valor a ser cobrado pelo ingresso, o diretor do Procon de Patos disse ainda que o atual valor da partida é algo abusivo para o torcedor, e que os interessados devem procurar o órgão de defesa ao consumidor na cidade de João Pessoa, para que possa intervir na questão e resolvê-la da maneira adequada, tendo em vista que o Procon daqui não possui abertura para interferir fora da cidade de origem.

Saiba mais detalhes na entrevista que segue.

 

Matéria por Patosonline.com

Áudio - Higo de Figueiredo (Rádio Espinharas)


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.