comentários  

08 de setembro de 2017, 22:06

Pároco da Catedral de Patos comenta como ocorreu o movimento Grito dos Excluídos. Escute


Padre Joácio Nóbrega, pároco da Igreja Catedral de Patos, concedeu entrevista à reportagem da Rádio Espinharas e na oportunidade relatou como se deram as atividades do movimento Grito do Excluídos, que aconteceu nessa quarta-feira (07).

 Sua avaliação foi positiva e deu ênfase ao período que teve início ontem à noite, por volta das 22h00, com a renovação carismática na Igreja da Conceição, mas também em outras cidades pertences à diocese de Patos, que também fizeram uma vigília de oração pelo Brasil. 

O padre ainda destacou que o momento da Eucaristia que aconteceu na manhã desta sexta-feira (08), presidida pelo bispo Dom Eraldo. Em seguida houve o translado para o santíssimo sacramento. 

Ele ainda externou surpresa com a quantidade de pessoas que participaram das atividades durante todo o dia. 

Por último, padre Joácio disse que o Grito dos Excluídos deste ano teve a presença da oração, que por sinal pretende estar sempre presente nos próximos anos, sempre antecedendo a chegada da tradicional Festa de Setembro.

 O senhor Romualdo participou do movimento Grito dos Excluídos e deixou sua opinião sobre o momento. “A igreja católica dá uma demonstração de que está querendo se envolver com as questões sociais, mostrando que está atuante no sentido de discutir as questões mais importantes na atualidade, sobretudo no âmbito político”, comentou.

Ouça mais detalhes nas entrevistas que seguem.

Matéria por Patosonline.com

Áudio / Higo de Figueiredo (Rádio Espinharas)


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.