comentários  

17 de janeiro de 2017, 08:55

“Tá faltando até esparadrapo aqui”, diz funcionário do Hospital Regional de Patos


O Hospital Regional de Patos tem vivido uma situação complicada para atender à grande demanda de pacientes que o procuram. A falta de medicamentos e insumos de primeira necessidade tem causado graves problemas que tem levado ao desespero os cidadãos carentes que procuram o nosocômio.

No ano de 2016, o Hospital Regional de Patos atendeu 65.888 pessoas vindas de diversas partes do sertão da Paraíba e também de outras regiões e estados vizinhos. Somente no setor de cirurgias foram realizadas 1.794 cirurgias ortopédicas, 292 vasculares, 543 gerais, 14 otorrinolaringologias, 184 bucomaxilos, 31 urológicas, 350 oftalmológicas. No total foram 3.207 cirurgias realizadas mesmo diante de muitas dificuldades. No atendimento aos acidentados foram 2.985 pacientes. Números, sem dúvidas, surpreendentes.

Mesmo sendo referência na Paraíba, o Hospital Regional de Patos não vem recebendo a devida atenção por parte do Governo do Estado através da Secretaria de Saúde, pois, nem mesmo a promessa de campanha do Governador Ricardo Coutinho (PSB) de ampliar a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) das atuais 6 vagas para 12 foi cumprida.

Nos últimos meses o Hospital Regional de Patos tem sido denunciado pela falta constante de medicamentos e insumos básicos para ocorrer um atendimento sem constrangimento aos usuários. Um funcionário chegou a relatar que “tá faltando até esparadrapo aqui”. Médicos também confirmaram a falta e estão pedindo ajuda para as equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para alguns medicamentos básicos.

O diretor do Hospital Regional de Patos, José Leudo Farias, confirmou o problema, porém disse que estão sendo solucionados de forma gradativa. “Estamos trabalhando para o mais rápido possível resolver. Os empenhos começaram a serem pagos ontem (segunda-feira, dia 16). Creio que nesta terça começam a chegar os medicamentos e material”, disse Leudo.

 

 

 

Jozivan Antero – Patosonline.com

 

 


Publicidade
Publicidade

Comentários

O utilizador reconhece e aceita que o PATOSONLINE.COM, apesar de atento ao conteúdo editorial deste espaço, não exerce nem pode exercer controle sobre todas as mensagens. O PATOSONLINE não se responsabiliza pelo conteúdo de mensagens publicadas no mural ou comentários de postagens.